Notícias


12/06/2020 - Prefeitura de Santos - SP distribui coleiras contra leishmaniose para mais de 200 cães.




Como a leishmaniose visceral canina é transmitida pelo mosquito-palha, o uso da coleira repelente é a principal forma de evitar a proliferação da doença, uma vez que mantém os animais sadios livres de uma eventual picada contaminada do inseto. Já os animais doentes, com a coleira, deixam de ser alvo do mosquito-palha, interrompendo a cadeia de transmissão.


Fonte: Diário do Litoral


Leia a notícia na íntegra clicando AQUI.



Compartilhe no Compartilhe esta notícia no Whatsapp Compartilhe esta notícia no Twitter Compartilhe esta notícia no Facebook