Notícias


20/05/2020 - Bioinseticida controla em até 80% vetor do greening, principal doença da citricultura mundial.




O controle biológico tem avançado muito nos últimos anos na cultura de citros, principalmente com o desenvolvimento dos inseticidas microbianos, que podem ser pulverizados intercalados ou consorciados com outros manejos. Isso porque o citricultor não pode dispensar o calendário de aplicações para controle do psilídeo (Diaphorina citri), inseto vetor das bactérias causadoras do Greening, principal doença da citricultura mundial. Em 2019, 19% das árvores do cinturão citrícola brasileiro estavam contaminadas, segundo dados do Fundo de Defesa da Citricultura (Fundecitrus).


Fonte: Notícias Agrícolas


Leia a notícia na íntegra clicando AQUI.



Compartilhe no Compartilhe esta notícia no Whatsapp Compartilhe esta notícia no Twitter Compartilhe esta notícia no Facebook