Notícias


01/03/2020 - Policiais argentinos culparam ratos pelo desaparecimento de meia tonelada de maconha.




"Percebeu-se que a canábis estava em falta quando a polícia fez uma inspeção no depósito em que estava armazenada, em Pilar, na Argentina. Javier Specia, ex-comissário da Polícia, deixou 13.000 libras (quase 6.000 quilos) de canábis sem assinatura quando deixou o cargo. O sucessor dele conduziu uma busca com oficiais e descobriu que faltava meia tonelada da substância", descreve-se no texto da publicação, sinalizada como fake news por vários utilizadores do Facebook.


Fonte: Polígrafo


Leia a notícia na íntegra clicando AQUI.



Compartilhe no Compartilhe esta notícia no Whatsapp Compartilhe esta notícia no Twitter Compartilhe esta notícia no Facebook